Problema de energia

Google Play

Apple Store

 

NFPA Noticias

Problema de energia

Por
Enquanto continuam a surgir problemas com os produtos que usam baterias de íon-litio, a pesquisa sobre alternativas mais seguras ganha velocidade
 
 
Por Angelo Verzoni
 

As baterias de íon lítio fizeram de novo manchetes sobre segurança quando a United States Consumer Product Safety Commission (CPSC) anunciou o recall de aproximadamente 14000 skates elétricos equilibrados de duas rodas, ou hoverboards. Várias marcas foram afetadas, mas todas compartilham o mesmo problema: uma bateria de íon lítio que pode sofrer superaquecimento e pegar fogo ou explodir.

Os hoverboards convocados passam a fazer parte duma lista crescente de produtos que contêm baterias potencialmente perigosas – uma lista que inclui versões precedentes de hoverboards, mas também produtos de menor tamanho como telefones celulares. Em 2016, por volta de dois milhões de telefones inteligentes Samsung Galaxy foram convocados depois de incêndios e explosões relacionadas com falhas das baterias desses dispositivos de mão. A CPSC nota, contudo, que essas falhas podem ser mais perigosas quando envolvem baterias maiores que se encontram em produtos de maior tamanho como os hoverboards. Em março 2017, por exemplo, duas meninas morreram num incêndio doméstico na Pennsylvania causado por um hoverboard que estava sendo recarregado.

Nos últimos anos, os chamados de segurança e informações na mídia conduziram a realização de muitas pesquisas sobre formas de aprimorar as baterias de íon lítio ou como substituí-las para reduzir os perigos para os consumidores e outras pessoas.

Um estudo publicado no jornal Nature Energy em novembro promove "eletrólitos orgânicos com capacidade de extinguir o fogo" como uma possível solução para os infortúnios das baterias de íon lítio. Realizado por pesquisadores da Universidade de Tokyo, o estudo menciona o uso dum eletrólito feito com fosfato de trimetilo, um retardante de chamas químico numa bateria de íon lítio, que contém normalmente um eletrólito inflamável a base de carbonatos. Iniciativas similares produziram no passado novas baterias cujo desempenho não era tão bom como o das tradicionais, mas os pesquisadores de Tokyo dizem que suas baterias oferecem desempenhos "comparáveis ou superiores aos das baterias que contêm eletrólitos convencionais inflamáveis a base de carbonatos." Isso acontece porque o eletrólito que contém fosfato de trimetilo tem um "caráter de passivação pouco comum," que é a capacidade de prevenir a corrosão, de acordo com o estudo.

É uma pesquisa prometedora que vem detrás de estudos também otimistas. Em abril, por exemplo, pesquisadores da Marinha dos Estados Unidos desenvolveram uma bateria de íon-zinco com um eletrólito não inflamável com um desempenho comparável ao das baterias que usam lítio.

O trabalho da Fundação de Pesquisa de Proteção contra Incêndio (FPRF) se concentrou nas aplicações e riscos de incêndio das atuais baterias de íon lítio e não na química das baterias, disse Casey Grant, diretor da fundação. "As comunidades de resposta de emergência e de proteção contra incêndio devem estar preparadas para lidar com perigos novos e diferentes, e para isso devem conhecer os riscos associados às baterias de íon lítio usadas mais freqüentemente," disse Grant. Os relatórios passados da FPRF, por exemplo, se concentraram na efetividade dos sistemas de sprinkler para extinguir incêndios em instalações de armazenamento de baterias de íon lítio.

A NFPA avançou também com a educação do público sobre a segurança das baterias de íon lítio. A NFPA publicou fichas de dicas de segurança sobre as baterias de íon lítio e até especificamente sobre hoverboards, que podem indicar eventuais sinais de aviso incluindo cheiros estranhos ou uma tendência ao superaquecimento. A página web da NFPA sobre sistemas de armazenamento de energia, nfpa.org/ess, inclui recursos sobre a segurança das baterias de íon lítio, como fichas de dicas, relatórios de pesquisa e artículos recentes do NFPA Journal.

Share

Mais Notícias

nós

Quem nós Somos

A National Fire Protection Association (NFPA) é a fonte dos códigos e normas que regem a indústria de proteção contra incêndios e segurança da vida.

Atualizamos nossa política de privacidade, que inclui como são recolhidos, tratados e usados os seus dados pessoais. Ao usar este site, você aceita esta política e o uso de cookies